Picos da Europa – percurso de 4 dias

Escola de Montanha

Picos da Europa

A título de sugestão, descrevemos uma atividade realizada num estágio de montanhismo, da Escola de Montanha, nos Picos da Europa, em Julho 2017. Realizamos uma marcha de montanha, “quase circular”, de 4 dias, incluindo diversas partes do Anilho Extremo, no Maciço Central, com estadia em Refúgios.

Acedemos aos Picos da Europa, via Arenas de Cabrales e Sotres. Deixamos uma viatura em Ponte de Poncebos e subimos na outra para o Collado de Pandebano.

1º dia:

Fizemos a caminhada deste o Collado de Padebano (1120m) até ao Refugio Vega de Urriellu (1950m), também chamado de Delgado Ubeda (aquele que fica mesmo por baixo do Naranju). É uma caminhada de pouco mais que 6kms, mas com cerca de 800m de desnível.
Digamos que é sempre sempre a subir e com as mochilas ainda pesadas de primeiro dia. Mas foi bom para começar!
Não contentes, nem cansados, ainda fizemos a aproximação à face sul do Naranju, para tentar ver as vias que os nossos companheiros iriam escalar nos dias seguintes.

Este slideshow necessita de JavaScript.

2º dia:

Este segundo dia foi o mais duro. Não havia como evitar!!!
Seguimos para Sul, em direção à Cabana Verónica. Passamos por duas formações geológicas magníficas (Jou sin Tierra e Jou de los Bouches). Geologicamente chamados de dolinas, são depressões típicas do relevo carstico, provocados pelo abatimento de camadas abaixo da superfície. Após estes jous, demos de frente com os Horcados Roxos. Uma subida íngreme, que com o auxílio de correntes e cabos de aço, nos faz subir 200m de “parede” até aos 2350. Daqui descemos e subimos até um dos refúgios mais curiosos que se podem conhecer em montanha – Cabana Verónica. Um abrigo para 5 ou 6 pessoas, com um guarda permanente! Um figura curiosa!

Mas a parte mais difícil ainda estaria para vir!!! Um caótico percurso entre rochas fascinantes, mas massacrantes para os pés, levou-nos até novo Jou, novo colo, nova descida, novo colo e… finalmente, o tão esperado Refúgio do Collado Jermoso. Fomos muito bem acolhidos e acomodados aqui! É um refúgio muito acolhedor com um excelente serviço. Gostamos! Por mais estranho que nos pareça, os tracks indicam apenas 9kms, mas muito duros, no que toca ao desnível e dificuldade de progressão. Mas este dia reservou-nos ainda a particularidade de termos caminhado em 3 regiões de Espanha: Astúrias, Cantábria e Leon.

Este slideshow necessita de JavaScript.

3º dia

O terceiro dia foi sempre a descer, desde os 2100m aos 400m! Um corredor muito íngrime, difícil para os mais sensíveis às alturas, mais uns trilhos até um colo de Soano, e nova descida íngreme até Vega de Asotin. Depois a descida até Cordinañes de Valdeon, através dum refrescante bosque de Faias e, terminamos com um passeio fácil até Caín.

Cerca de 12kms e um desnível de 1700m, foram os ingredientes de um dia mais descansado e muito bonito.
Em Cain, de volta à civilização e ao mercado, ficamos alojados no albergue El Diablo de la Peña, onde fomos também muito bem recebidos. Recomendamos!

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

4º e último dia:

O último dia deste percurso foi o mais relaxado e turístico. Fizemos apenas a Ruta del Caires, até Ponte de Poncebos, onde tínhamos uma das viaturas. Neste percurso tudo muda… o espírito, a dificuldade e o público, passando a ser muito turístico.
De qualquer forma, é um percurso altamente recomendado. Das melhores combinações  que se podem encontrar em montanha, entre baixa dificuldade e paisagens extremas. Com os túneis cavados na rocha, os enormes abismos, as cabras e gralhas e as lagoas transparentes ao fundo da garganta. Simplesmente fantástico e altamente recomendado!

Seria possível fechar o círculo, subindo a Bulnes e depois a Poncebos, o que acrescentaria uns 7kms e muito desnível ao nosso último dia, seguido de uma viagem de regresso directa a casa.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Terminamos assim a descrição desta atividade, esperando que sirva de sugestão para a quem quiser realizar em autonomia.

Seguimos com… “Boas práticas… em bom ambiente!”

Anúncios
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: